Total de impostos no Japão. Você sabe quanto se paga?

Você sabe o quanto paga de impostos em sua totalidade para viver no Japão?
Vamos começar a analisar da seguinte forma:
Pagamos impostos e contribuições sobre a renda bruta e sobre a base de calculo. Vamos aprender sobre os impostos de um modo geral, depois vou tentar explicar como calcular a base de cálculo.

Não sou especialista em impostos, tudo que escrevi aqui foi com base em pesquisa no que incide sobre os salários dos trabalhadores, caso tenha errado ou esquecido de algo, me perdoe e avisem se souber, a intenção é informar o mais próximo possível da realidade deste assunto aos estrangeiros que vivem no Japão.

Impostos e contribuições sobre a renda do trabalhador:

Imposto municipal – 6%
Imposto estadual – 4%
Imposto federal – 5% até 40%
Contribuição providenciaria – 17,474% ou 17,688% – depende da profissão.
Seguro Saúde – 9,97% até 40 anos e 11,69% acima de 40 anos.
Seguro desemprego – 1,35%
Taxa de reconstrução Região de Tohoku pelo Shotokuzei – 2,10% até o ano de 2035 (desde 2013)
Taxa da reconstrução da Região de Tohoku pelo Juminzei – 1.000 ienes/ano até o ano de 2023 (desde 2014)

Para quem não está inscrito no Shakai Hoken, deve pagar o Kokumin Kenko Hoken onde o varia de acordo com a renda e o Kokumin Nenki com parcela mínima de 15.590 ienes a partir de abril/2015.

Sobre os impostos e contribuições sobre o salário é obrigação das empresas contribuírem com 50% se o funcionário solicitar a inclusão no Shakai Hoken.

O Shakai Hoken engloba Seguro saúde e Previdência Social Kousei Hoken, as empresas contribuem com 50%. Sobre o Seguro desemprego, as empresas contribuem com 0,85% do total, cabendo ao empregado apenas 0,5%.

Acima temos os impostos direto sobre a renda/salário. Muitos especialistas, com base nas medias salariais já publicadas em gráficos. Veja media salarial dos salários no Japao – dizem que os impostos representam mais de 44% da renda dos trabalhadores.

Depois de pagar todos os impostos sobre o salário, temos que pagar o imposto sobre o consumo de 8%.

Shouhizei – 8% é o imposto sobre todos os bens e serviços que as pessoas adquirem, vou dar exemplo que as pessoas as vezes esquecem: tudo que se compra, comida, roupa, bilhetes de trem, suco de maquinas, o mesmo com água, luz, gás e telefone, se paga 8%.

Vale lembrar que no ano de 2014 o imposto sobre consumo teve um aumento de 60%, subiu de 5% para 8%. Muitos falam que houve apenas 3%, de aumento, mas na verdade foi um aumento de 60% na carga tributaria deste imposto, com previsão para alíquota de 10% em 2018.

O governo japonês não consegue segurar as contas que estão a cada dia mais descontroladas com o aumento desenfreado da divida publica japonesa, a maior do mundo, e nao longe de entrar em grandes problemas com o nao consumo interno do país.

Mais abaixo você poderá acessar o link para saber sobre o valor dos impostos municipal e estadual o Juminzei.

Não temos patrocinadores, fazemos tudo voluntario, por isto, for favor, não esqueça de comentar e curtir nossa pagina, não temos compromissos com empresas que patrocinam a maioria dos sites porque as empresas não deixam trazer a você informações de como se defender. Assim, nos ajude convidando seus amigos se esta gostando de nosso site.

Este texto é uma opinião pessoal de quem leu e pesquisou sobre o assunto com a intenção de trazer ajuda na compreensão dos impostos, caso contenha erros, nos perdoe e nos avise para que possamos corrigi-los. Muito obrigado  .

Entre aqui e veja como se faz para achar a base de calculo dos impostos municipal e estadual o JUMINZEI.

By Connexion.tokyo Team